domingo, 17 de abril de 2016

Playboy irresistível


Hanna é uma garota de 24 anos, mora sozinha em Nova York e é obsecada com o trabalho. Então, uma visita do seu pai e seu irmão mais velho Jensen, que dão uma bronca nela, fazendo com que ela ligue para seu amigo Will, para pelo menos ter com quem sair, conversar e viver.
Will é sócio de Max e tem convivido muito com seus dois melhores amigos, Max e Bennett, e suas namoradas, Chloe e Sara, mas, mesmo assim ele acha que entrar em um relacionamento sério está fora de cogitação. Por isso ele mantém duas amantes, com quem se encontra sempre nos mesmos dias da semana. Ao receber a ligação de seu melhor amigo Jensen, pedindo que ajude a sua irmã mais nova, Will não pensou que sua vida fosse virar de cabeça pra baixo. Ele nem se lembrava de como ela era, nem sabia seu nome, afinal, todos na família a chamavam de Ziggy, e não sabia como iria fazer pra enturmar uma nerd. Hanna é uma garota muito diferente do que Will está acostumado, não se preocupa muito com roupa e com o que vão pensar dela, e não tem um filtro entre o cérebro e a boca, fala tudo que pensa. Na intenção de ajudá-la, Will a inclui em sua corrida matinal e a apresenta à Chloe e Sara. Depois das corridas vinheram os cafés da manhã, ou almoço e quando Will percebeu já estava passando bastante tempo com Hanna. Porém, para Hanna, Will nunca será alguém em quem confiaria seu coração. Afinal, ele sempre deixava claro: nada de compromisso, nada de exclusividade. A atração entre eles é palpável, mas será que Will conseguirá mudar para ficar com Hanna? E ela, acreditará nele?
Pra mim, sem dúvidas, é o melhor livro da série.


Alexsandra Ellen, Edificações III

Nenhum comentário:

Postar um comentário